Educação Nutricional


Nos últimos tempos temos ouvido falar muito em expressões como: 

Educação Nutricional, Alimentação Saudável e Qualidade de Vida, mas afinal o que significa estes termos?

Primeiramente não podemos falar de Educação Nutricional sem antes explicar o que é Educação.

Educação é o processo que visa capacitar o indivíduo a agir conscientemente diante das situações novas da vida.

A Educação consiste na capacidade criadora que visa levar o ser humano a realizações de suas capacidades potenciais e é também um processo de ensino e aprendizagem que visa obter MUDANÇA.

“O principal objetivo da educação é criar homens capazes de fazer coisas novas, não simplesmente o que outras gerações fizeram homens criativos, inventivos, descobridores. O segundo objetivo, é formar mentes que possam ser críticas, possam verificar e não aceitar tudo o que é oferecido.” (Jean Piaget)

Antigamente a Educação era vista como a conservação da cultura e dos costumes, mas hoje em dia é um dos principais meios de realização de mudança social ou pelo menos um dos recursos de adaptação das pessoas um mundo de mudanças.

Educação Nutricional: “Processo de transmitir ao público, conhecimentos que visem à melhoria da saúde por meios de hábitos alimentares adequados, eliminação de práticas dietéticas insatisfatórias, introdução de melhores práticas higiênicas e uso mais eficiente dos recursos alimentares.” (Motta, 1984).

A Educação Nutricional é feita em longo prazo, valorizando a cultura alimentar construindo uma alimentação saudável, incentivando a mudança de hábitos alimentares através do diálogo.

O Nutricionista basicamente trás as informações ao público ou paciente demonstra através de informações práticas, ocasionando uma melhora, com esta melhora ocorre à mudança, gerando os hábitos alimentares saudáveis. Com o passar do tempo elimina as práticas alimentares inadequadas, melhorando as práticas de higiene e utilizando eficientemente os recursos disponíveis alimentares do público ou paciente. O Nutricionista ajuda no desenvolvimento pessoal melhorando sua auto-eficácia, auto-controle e auto-avaliação.

Mas para que isto ocorra é necessário MUDAR para isso é preciso ter MOTIVAÇÃO.

Motivação: é alguma coisa ou processo que faz a pessoa agir é um processo que estimula e instiga o comportamento fornecendo a direção e o propósito que dirigem a persistência, as escolhas, as preferências de um determinado comportamento. Que podem ser influenciados por fatores externos e internos. A motivação tem que ser intrínseca, ou seja, surge do indivíduo o desejo de mudar, das necessidades, das metas a serem cumpridas, da direção que a pessoa quer tomar.